Case de sucesso Grupo Discabos: instalação no auditório da Unimed Londrina

Publicado em Exemplos de projetos dia

A instalação no auditório da UNIMED Londrina era um desafio. A oportunidade surgiu por intermédio de Benno Heritt, da Heritt Automação. Esse case de sucesso abrange algumas características do projeto e seus resultados.

A demanda surgiu em função de uma solicitação da Unimed Londrina para facilitar a operação do seu auditório, que tinha uma quantidade muito grande de interruptores para controlar a iluminação do espaço.

A instalação do sistema e sua automação foram feitas de forma parcial, com a implementação de uma gestão e controle da iluminação realizada pela Heritt Automação em parceria com o Grupo Discabos.

“Conheço a Discabos há muito tempo. Já tinha tido contato com a empresa em feiras e já utilizava seus cabos e distribuidores há anos. Essa foi a primeira vez que utilizei o serviço de integração com automação e foi uma experiência boa. O atendimento e a interação foram muito bons. O material e o sistema também funcionam muito bem.” (Benno)

Leia o case completo e veja como é possível garantir mais produtividade e redução de custos por meio da automação!

Como a instalação no auditório da UNIMED Londrina foi idealizada?

Em princípio, seria necessário automatizar todo o circuito de iluminação, de ar-condicionado e de áudio e vídeo do auditório. De forma integrada, o controle desses sistemas deveria convergir para apenas um dispositivo, um tablet, por exemplo.

O projeto completo foi substituído por outro menos complexo. A partir deste diagrama é possível verificar como funciona a central de automação, ou seja, o cérebro do auditório.

Quais as características do projeto?

A conexão é feita por cabo, que interliga outra central responsável pelo controle direto de dimerização.

Todas as ações executadas — aumentar ou diminuir a intensidade das luzes dimerizadas, ligar ou desligar as luzes, são controladas pela central de automação ATEN VK1100.

São 15 circuitos de iluminação, com projeções personalizadas para diferentes situações — cinema, palestras e cursos. A partir da tela inicial do iPad, é possível usar o auditório em quatro situações, com cenários de iluminação predefinidos:

  • reunião participativa: reuniões em que o palestrante utiliza um talker e interage com a plateia efetivamente. A característica dessa opção é a possibilidade de percepção, pelos participantes, da modificação da iluminação do ambiente. A iluminação fica, praticamente voltada exclusivamente para o palestrante;
  • reunião pequena: nessa situação, em que a quantidade de participantes é de 20 a 30 pessoas, a reunião não acontece no palco. Um círculo é formado, as luzes do palco e do fundo da plateia são apagadas, mantendo a iluminação apenas na área central;
  • cinema: para a projeção e iluminação especial de cinema, o sistema define uma iluminação de rodapé, com o intuito de privilegiar a circulação das pessoas sem dificuldade pela área de passagem. Nesse projeto as luzes de teto também são desligadas;
  • luz baixa: uma iluminação ambiente diferenciada para usar em outros tipos de reuniões.

A opção “master off” é utilizada quando os usuários finalizaram a utilização da estrutura. Quando selecionada, as luzes são apagadas após o intervalo de um minuto, que é o tempo necessário para que a pessoa saia do ambiente.

Ainda foram instalados dois painéis de parede, com botões para o acendimento das luzes comuns, necessários quando o pessoal de limpeza precisar usar a sala ou alguém da manutenção realizar algum conserto, por exemplo, sem demandar um comando pelo tablet.

Os dispositivos instalados nas paredes são do tipo ATEN VK108US, painel similar a um interruptor comum. Esse painel é fornecido com 8 peças pequenas e 4 grandes, para que o usuário escolha a disposição dos botões da forma que mais lhe convier.

Nesse projeto em especial, foi montado um painel com 4 botões grandes, para ligar e desligar a luz de forma facilitada. Para o cliente, a praticidade desse sistema foi um grande diferencial.

Como funciona a manutenção da infraestrutura?

Se o usuário desejar montar um setup de iluminação diferente dos quatro já criados, é possível aproveitar os recursos existentes diretamente na tela do dispositivo que controla a execução. Basta acessar o circuito de controle da iluminação e, de forma manual, criar um cenário novo.

Francisco Pereira — CTS, consultor técnico do Grupo Discabos atendeu o cliente localmente para dar instruções e fazer uma orientação final, após a instalação dos módulos executada pelo Benno.

O Benno, que é um instalador muito capacitado, precisou apenas de um curso online, promovido pelo Grupo Discabos, para entender as funcionalidades do sistema e as especificações necessárias para finalizar o projeto.

O consultor técnico verificou essa etapa e criou a interface das telas. A partir de conceitos de agilidade, esses layouts foram idealizados e desenvolvidos conjuntamente com cliente. Os testes foram realizados ao final de cada etapa até que sua aprovação estivesse à altura das necessidades dos usuários finais.

O resultado foi um sistema intuitivo e de fácil manuseio, garantindo o conforto dos colaboradores da UNIMED Londrina, que utilizam o sistema diariamente.

Quais os resultados da instalação?

A instalação no auditório da UNIMED Londrina foi de extrema importância, pois a infraestrutura é utilizada diariamente para diferentes tipos de atividades. A continuação do projeto foi definida como uma segunda etapa, mas ainda sem data para implantação.

O controle do ar-condicionado, do projetor e da matriz de áudio e vídeo ainda é realizado manualmente, sendo esses os requisitos para esse projeto futuro.

O que o cliente tem a dizer sobre este projeto?

“As nossas ações de sustentabilidade com os colaboradores, como a Gincana Sustentável e atividades de consumo consciente, foram possíveis graças ao espaço. Além disso, conseguimos realizar nossos eventos, como o Concurso de Desenho, que é destinado às crianças de escolas municipais de Londrina, e a entrega das cadeiras de rodas da campanha Eu Ajudo na Lata. Neste último evento, recebemos cadeirantes e, com as instalações do auditório, foi possível recepcioná-los”. (Lígia Savioli, analista de Sustentabilidade da Unimed Londrina.)

Entre em contato com o Grupo Discabos e veja o que é preciso para executar um projeto como o da instalação no auditório da UNIMED Londrina!

Texto autorizado em 07/05/19 por Michelle Aligleri, da Unimed Londrina

Login