Tecnologia de áudio e vídeo em supermercados: como implementá-la?

A transformação digital já é realidade no setor de comércio. Um bom exemplo disso é a presença crescente da tecnologia de áudio e vídeo em supermercados. Os benefícios são muitos para quem atua no varejo — e, consequentemente, para quem trabalha com a instalação desses sistemas. Mas, afinal, como eles funcionam?

A dúvida é muito comum, já que a tecnologia pode ser uma novidade para muita gente. Por isso, nada melhor do que ouvir a palavra de um especialista no assunto.

Criamos este artigo com a colaboração de Jeferson Leite, da Neural Projetos e Consultoria, parceiro do Grupo Discabos, que projeta sistemas de áudio e vídeo para as mais diversas aplicações. Se quer entender tudo sobre tecnologia de áudio e vídeo em supermercado, aproveite a leitura!

Por que supermercados precisam investir em tecnologia?

Os projetos de tecnologia de áudio e vídeo em supermercados podem ser desenvolvidos por diversos motivos. Jeferson destaca que essa é a primeira coisa que um profissional da área deve ter em mente. Afinal, sua prioridade máxima deve ser atender às demandas do cliente, que estão descritas no projeto.

Entretanto, a tecnologia não se tornou uma tendência à toa. Alguns benefícios são muito claros, a ponto de cada vez mais supermercados adotarem sistemas desse tipo. Para começar, Jeferson destaca o fator interatividade.

Por meio do sistema, o supermercado pode passar suas mensagens ao consumidor enquanto ele faz suas compras. Isso ajuda a fortalecer as mensagens de marketing, divulgar promoções, convidar para eventos etc. Somado a isso, a tecnologia de áudio e vídeo oferece prazer e harmonia ao ambiente do supermercado.

Segundo Jeferson, isso significa “criar uma atmosfera” para o cliente, fazendo com que ele fique mais tempo na loja. Consequentemente, isso pode aumentar seu ticket. Em um momento de tanta concorrência, é fundamental saber atrair o consumidor e oferecer diferenciais, reforçando a marca na sua memória.

Graças à tecnologia, isso ficou cada vez mais fácil. Então, é importante elaborar um sistema que garanta ao cliente uma experiência positiva no estabelecimento, para que ele não queira simplesmente buscar um produto e sair o mais rápido possível.

Sabemos, por exemplo, que a ida ao supermercado dificilmente é 100% objetiva: é comum acabarmos comprando algo que não planejávamos. Para quem gerencia a loja, isso significa uma oportunidade. A questão é que, como Jeferson explica, a qualidade da instalação faz toda a diferença para quem quer atrair e cativar os clientes usando esse sistema.

Como funciona a tecnologia de áudio e vídeo em supermercados?

Jeferson conta que os sistemas variam muito, a depender da demanda de cada supermercado. Por isso, antes de começar, é essencial “conhecer o perfil e os objetivos do contratante”. É preciso “desenvolver um projeto específico de hardware, software e infraestrutura obedecendo às normas vigentes”.

Com monitores, caixas de som e outros dispositivos espalhados estrategicamente pela loja, os clientes entrarão em um ambiente mais agradável. O sistema pode ser utilizado para tocar músicas e mensagens gravadas, além de estar à disposição para avisos em tempo real, anunciados pelo microfone.

Conforme as pessoas se deslocam pelos corredores, elas encontram telas exibindo aquilo que a estratégia do mercado definiu. É possível transmitir propagandas de novos produtos, campanhas do supermercado, promoções, mensagens de segurança e outros tipos de interação com o consumidor.

A tecnologia de áudio e vídeo para supermercado ainda permite oferecer treinamentos internos para os colaboradores e realizar videoconferências. Na parte externa, as telas podem exibir vídeos para expor a marca do supermercado e as campanhas de marketing para o público em geral.

Jeferson é bem objetivo ao ressaltar que não há uma fórmula mágica: o conteúdo transmitido depende do objetivo de cada contratante. Por isso, o objetivo principal é executar a instalação conforme o projeto.

Como implementar essa tecnologia com sucesso?

Se a instalação conforme o projeto é um passo fundamental, outro ponto que não pode ser ignorado é a capacidade da equipe de dar conta das demandas do clientes. Uma das melhores práticas é estar atento aos desafios que costumam surgir durante o processo.

Um projeto eficiente, feito por quem realmente entende do assunto, poupa muito trabalho. Ele “é a chave principal da engrenagem”, esclarece Jeferson, “pois todo o passo a passo foi pensado com antecedência, não havendo decisões a serem tomadas em campo”. Ao instalador, basta “utilizar as boas práticas de engenharia, colocar o conhecimento do treinamento recebido do fabricante e seguir o que foi determinado no projeto”.

Quanto a isso, o parceiro do Grupo Discabos lembra que essa equipe deve estar pronta para prestar todo o suporte necessário durante a instalação. Afinal, mesmo o melhor dos projetos não consegue prever 100% dos desafios que podem surgir na execução.

Jeferson destaca, por exemplo, que não basta simplesmente fazer a oferta de venda e instalação do sistema. Cada ambiente exige diferentes tecnologias e a configuração específica dos equipamentos. O resultado deve ser um sistema integrado, eficiente e fácil de gerenciar.

A importância do apoio de especialistas

“O projeto deverá ser realizado sob medida, com a atenção nos mínimos detalhes para ter a integração de forma equilibrada, entre os diversos setores a serem abrangidos no empreendimento”, ele adiciona. Para complementar, os materiais e equipamentos devem ser confiáveis, o que nos leva ao papel fundamental desempenhado pelo fornecedor.

O Grupo Discabos, por exemplo, fornece soluções completas para instaladores há mais de 20 anos. São sistemas de áudio e vídeo e de automação profissional para supermercados, casas de eventos, prédios corporativos e até mesmo grandes espaços, como usinas e aeroportos.

Jeferson é parceiro do Grupo Discabos e destaca como diferenciais a qualidade técnica dos equipamentos, além do suporte pré-venda eficiente. Com técnicos à disposição para auxiliar em projetos, a empresa garante todo o suporte realizado por pessoas das equipes internas, sem terceirização.

Além disso, o Grupo Discabos ajuda com pesquisa, desenvolvimento, treinamento e logística para a instalação dos sistemas. São mais de 20 anos de experiência no mercado brasileiro e um trabalho que faz toda a diferença para quem quer oferecer um projeto top de linha a seus clientes.

Agora que você já sabe como funciona a tecnologia de áudio e vídeo em supermercado, leve esse serviço aos seus clientes. Assim, você amplia seu portfólio no setor e ganha espaço em um mercado cheio de oportunidades!

Quer ser um parceiro do Grupo Discabos e levar o melhor em tecnologia para seus clientes?

0 0 votes
Avalie este conteúdo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Tags:

Veja também:

0 0 votes
Avalie este conteúdo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Queremos ouvir você: deixe um comentáriox
()
x
0
    0
    Seu carrinho
    Seu carrinho está vazioVoltar a loja